Buscar

Errar é humano, julgar é desumano

Quem nunca errou ?

Alguns exemplos: falar em um momento inapropriado, fazer escolhas que geram arrependimento posterior, escrever algo errado.

Uma palavra errada pode transmitir negatividade. O ser humano teme ser julgado e parece que tudo conspira para o erro. A Física Quântica afirma que os pensamentos atraem coisas boas e ruins.

Por que o erro tem um destaque maior em nossas vidas?

É um hábito negativo julgar, e isso pode afetar algumas pessoas, que acabam afastando-se do mundo. As evidências aparecem: isolamento, tristeza, medo e principalmente paralisia no viver.

Infelizmente o julgamento escraviza, aprisiona vidas, causa doenças psicossomáticas e orgânicas, tais como: ansiedade, crise existencial, depressão etc. Quantos anos de sua vida você perdeu, deixando de realizar sonhos e projetos devido aos julgamentos?

Mas, que tal olharmos para os nossos erros com um outro olhar?

Passo 1 : Identificar o erro.

Passo 2 : Levantar as hipóteses do fato gerador do erro (quais foram os motivos para ocorrer o erro?)

Passo 3: Rever hábitos e comportamentos.

Passo 4 : Enfrentar.

Passo 5 : Corrigir.

Desta forma, vamos desenvolver atitudes que levam a novos comportamentos e ao desenvolvimento de habilidades emocionais.

É possível, sim mudar!

No entanto, precisamos de auxílio para reaprender a ver a vida de uma forma diferente. Os erros permitem crescermos, evoluirmos quando aprendemos a olhar com novas possibilidades as situações negativas. Entretanto, é necessário TREINO de novos pensamentos todos os dias e novas habilidades vão surgindo.

Enfim, todo ser humano tem a capacidade de viver novidades que alegrarão seu coração e o levará a sorrir para o futuro. É tempo de evoluir com os erros e conquistar o bem-estar.

Pequenas atitudes transformam vidas. Você é precioso(a) como um diamante.

#tempodemudar

#estamosjuntos

0 visualização
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca Ícone Instagram
  • Branca Ícone LinkedIn

© 2020 por Fabricio Vieira Pellenz